Portugês Portugês English Español   Restricted Area  

Condensado puro como recurso energético

A escassez de recursos hídricos é uma realidade, inclusive no Brasil, e obriga o usuário a desenvolver métodos para o uso adequado desses recursos e seu gerenciamento. Neste contexto, o uso racional da água deve ser estimulado, tendo no reuso e reciclagem, formas de mitigar a captação e consumo de água, favorecendo o aumento da oferta e contribuindo para a sustentabilidade. A indústria sucroalcooleira em particular se caracteriza pelo uso intensivo de água, principalmente nas plantas com destilarias anexas. Esse consumo não reflete os volumes captados ou consumidos, uma vez que o setor vem adotando práticas de gestão ambiental e de recursos hídricos, com ênfase ao reuso da água que a própria matéria prima disponibiliza.

Diversas unidades utilizam o condensado dos efeitos da evaporação em caldeiras de baixa pressão para geração de energia, porém é necessária a obtenção deste condensado sem a presença de açúcares a fim de evitar danos como, corrosão, incrustação, etc.

 

O problema

 

Pensando desta forma, em 2003 uma planta produtora de açúcar necessitava aproveitar água condensada e elaborou um estudo de identificação dos principais parâmetros de controle para manter um vapor mais puro. Foi identificado que o principal problema de contaminação do condensado era promovido por arraste na evaporação e, portanto, inviabilizava sua utilização.

 

 

 

Um dos itens desse estudo considerou a utilização de eliminadores de névoa de alta eficiência, já prevendo uma queda significativa da quantidade de açúcares presentes no condensado do vapor vegetal. Os evaporadores operavam com um modelo de separador de arraste denominado separador centrífugo, um modelo tradicional, porém com menor eficiência e maior perda de carga do que os eliminadores de névoas mais modernos.

 

 

 

Solução

Visto que a usina precisa obter índices de açúcares no condensado muito baixos a ponto de garantir que toda água condensada dos vapores vegetais seja utilizada no processo de geração de vapor, optamos pelo eliminador que apresenta melhor performance no processo de evaporação do caldo de cana, o MaxiMesh, equipamento que coleta gotículas de 5μm, medida 10 vezes menor que um fio de cabelo

Foram instalados em todos os 1° efeitos da evaporação e obteve-se os seguintes resultados:

Our pruduct line and solutions